Startups goianas disponibilizam soluções gratuitas para os produtores rurais

Você está visualizando atualmente Startups goianas disponibilizam soluções gratuitas para os produtores rurais

A plataforma de ferramentas digitais criada pelo Sicredi em parceria com a Bayer, Orbia e o AgTech Garage para ajudar produtores rurais a atravessarem a crise gerada pela pandemia de covid-19 ficará disponível gratuitamente por mais 30 dias. O prazo, que seria encerrado em junho, foi prorrogado até o dia 30 de julho porque o período atual ainda é desafiador para a cadeia agrícola.

Hospedada no site da empresa parceira Orbia, a plataforma é resultado do “Desafio Covid-19: soluções digitais para o agronegócio” iniciativa lançada em abril deste ano para reunir startups brasileiras com soluções digitais confiáveis e de alto impacto que pudessem contribuir para a produção e distribuição de alimentos para a população, garantindo o funcionamento da cadeia agrícola durante a fase de distanciamento social.

O espaço reúne 19 soluções que influenciam na rentabilidade do negócio, digitalizam processos, apoiam o planejamento de compra e venda de produtos agrícolas, ajudam no controle de pragas, no monitoramento das plantações e impulsionam vendas online. Além disso, a iniciativa é uma forma de aproximar os produtores rurais do mundo digital, que tem muito a contribuir com o desenvolvimento do agronegócio brasileiro. Duas das startups desenvolvedoras das soluções são de Goiás: MyFarm e AgriQ.

Para o CEO da MyFarm, Leandro Xavier, colaborar com o projeto “Desafio Covid-19” tem sido muito enriquecedor para sua equipe. “Poder acompanhar de perto os desafios vividos pelos produtores rurais nesse período tem nos ensinado muito, além de nos proporcionar insights valiosos para o aprimoramento do nosso software. Essa é a essência do MyFarm, contribuir com produtor no dia a dia da fazenda, organizando e simplificando dados, automatizando processos operacionais e propiciando um trabalho mais assertivo e que gere mais lucro”, aponta.

Leandro lembra que decidiram participar do “Desafio Covid-19” por saberem o quanto um software agrícola como o MyFarm pode revolucionar a realidade de um produtor rural. “Dar a eles essa oportunidade de experimentar nossa ferramenta gratuitamente durante esse período é a nossa forma de contribuir não só com suas fazendas, mas também com suas famílias, esse mercado pulsante do qual fazemos parte: o agronegócio brasileiro”, ressalta.

O CEO da AgriQ, Adeilson Mirando, explica que a plataforma criada permite ao produtor rural ter à sua disposição serviços essenciais à manutenção de suas atividades diárias a um custo zero ou reduzido. “Ficamos muito felizes e emocionados em termos sidos selecionados! Este é um indicativo de que nossas soluções são fundamentais para atender uma demanda importantíssima, relacionada ao uso racional dos defensivos agrícolas. No AgriQ, trabalhamos sempre em busca do bem-estar coletivo. O momento pede união e juntos com as outras startups, esperamos aliar a produtividade agrícola com segurança”, afirma.

Sobre a participação no projeto, Adeilson ressalta que tem sido satisfatória. “Neste momento queremos contribuir para que o agronegócio continue trabalhando e o desafio nos proporciona isso. Nosso intuito é que o produtor rural faça uso de defensivos agrícolas com transparência e segurança, fazendo uma prescrição correta do produto e garantindo a boa qualidade do que é colhido nas lavouras”, explica.

Conheça as 19 startups selecionadas

Agrare – empresa especializada em solução de gestão agrícola e pecuária permitindo ao produtor ter melhor rentabilidade do negócio, com informações que ajudarão na melhor tomada de decisão.

AgriConnected – ajuda aos pequenos e médios produtores agrícolas no gerenciamento das atividades no campo e na otimização da frota de máquinas e implementos agrícolas com o uso de inteligência artificial, informações de cultivo e geolocalização. Tornando mais eficiente todo o planejamento e a utilização do maquinário, levando a uma diminuição considerável dos custos de operação e melhora na qualidade do produto final.

AgriQ – startup especializada em emissão de receituário agronômico de maneira digital.

Agromove – através de um software, a empresa utiliza diversos parâmetros para indicar tendências do mercado e sinalizar aos produtores os melhores momentos para comprar e vender boi gordo, bezerro, soja e milho.

Atomic Agro – oferece uma ferramenta de digitalização do processo de escolha de insumos, gestão da safra como planejamento e acompanhamento do manejo, e uma rede colaborativa com mais de 6.000 produtores usando o aplicativo.

Bart Digital – empresa que apresenta uma solução online para realização de operações de barter. Auxilia nos processos de financiamento agrícola, em especial aqueles relativos à emissão de recebíveis e garantias. Além de facilitar a busca de informações necessárias à avaliação das garantias, realiza conexão de parceiros de negócios e monitoramento das operações.

Brain Agriculture – ferramenta de automação na busca documental, evitando a necessidade de procurar órgãos públicos, escritórios de contabilidade e jurídico, levando agilidade e segurança para as demandas do dia a dia.

E-ctare – plataforma para a liquidação de safra. A empresa oferece a antecipação de recebíveis e crédito com base na safra depositada em armazéns credenciados. O produtor com acesso ao aplicativo pode vender, pagar e receber à distância, sem qualquer contato com compradores da sua safra e vendedores de máquinas, equipamentos e insumos agrícolas.

Elysios – por meio de um software agrícola, a empresa oferece soluções de gestão de propriedade, integração de produtores e controle de cultivos. Focada na gestão e na rastreabilidade para produtores de frutas, legumes e verduras.

Farm B ox – a agtech faz a gestão operacional das fazendas com o auxílio de uma ferramenta, com a qual é possível controlar a operação desde a janela de plantio, as ameaças das lavouras (pragas, doenças, plantas daninhas, clima, atrasos operacionais), estoques, colheita, além de melhorar a comunicação entre as equipes.

Fito app – especializada na emissão de documentos eletrônicos com validade legal para o agronegócio, em especial emissão de receituário agronômico por meio de dispositivos móveis com assinatura eletrônica ou digital.

JetBov – startup que trabalha com um software de gestão que permite o controle zootécnico para pecuária de corte e gestão da atividade garantindo maior rentabilidade ao produtor rural.

Luckro – empresa que desenvolveu uma ferramenta que trabalha com fotos certificadas, permitindo a troca de imagens entre compradores e vendedores facilitando rastreabilidade e transações de compra e venda de forma remota.

MyFarm – oferece uma solução de gestão agrícola permitindo ao produtor ter melhor rentabilidade do negócio, com informações que serão insumos para a melhor tomada de decisão. Além de cumprir as obrigações legais do negócio, como controle de notas fiscais, por exemplo.

Nutrir – a plataforma permite ao produtor familiar vender online seus produtos em grandes centros urbanos. O produtor vende e negocia diretamente com o cliente como indústrias, distribuidoras, mercados, mercearias, restaurantes e serviços de delivery, através da plataforma online.

Sensix – especializada no monitoramento de plantação através de drones e satélite permitindo a comparação entre safras, o acompanhamento do desenvolvimento da cultura e criação de estratégias de aumento de rentabilidade.

Smart Granja – oferece um software de gestão zootécnica que auxilia o avicultor de corte a maximizar o resultado dos lotes, sem depender da visita da equipe técnica para saber se a evolução está como o esperado.

Sumá – plataforma digital que possibilita aos agricultores venderem a produção diretamente ao cliente final, como hotéis, restaurantes e cozinhas industriais, que desejam comprar alimento fresco. Além disso, oferece cursos de formação para os pequenos e médios produtores.

Timbeter – empresa especializada em medições digitais e controle online de estoques e inventários de madeiras através de fotos.

Trucker – automatiza o processo de cotação e contratação dos fretes. O produtor indica na plataforma sua necessidade de frete e as transportadoras cadastradas disponibilizam seus serviços permitindo ao produtor escolher aquela que é mais viável para a execução.

Sobre o Sicredi

O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento dos seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. O modelo de gestão do Sicredi valoriza a participação dos mais de 4,5 milhões de associados, os quais exercem papel de donos do negócio. Com presença nacional, o Sicredi está em 22 estados* e no Distrito Federal, com mais de 1.900 agências, e oferece mais de 300 produtos e serviços financeiros.

*Acre, Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.