Órion Complex Business & Health já atende mais de 50 especialidades médicas

Você está visualizando atualmente Órion Complex Business & Health já atende mais de 50 especialidades médicas

A vida moderna nos pede praticidade, portanto, reunir várias opções de atendimento em um só lugar já era algo atrativo para as pessoas e agora aumentou, em razão da pandemia do novo coronavírus, onde não é recomendado ir em vários locais e ter cuidados redobrados quando sair de casa. Por isso, o centro clínico do Órion Business & Health Complex, se mostra como uma opção prática para os moradores de Goiânia e para aqueles que procuram a capital de Goiás para tratamentos médicos.

Com aproximadamente 125 mil metros quadrados de área construída, o complexo segue a tendência mixed use (empreendimentos de uso misto) por reunir diversos serviços em um único lugar. Somente o centro clínico do Órion possui em torno de 205 clínicas e consultórios a serem implantados em 670 salas e suas junções. Atualmente, já são cerca de 50 especialidades em atendimento e mais de 200 médicos e profissionais de saúde. “Esses números se referem a ocupação atual, cerca de 30% da capacidade. Quando todas as salas forem ocupadas, a estimativa é que tenhamos em torno de mil profissionais trabalhando aqui”, revela Alex de Paula Martins, gestor condominial do Órion Complex.

Um atrativo para o local é sua localização de fácil acesso, na Avenida Portugal, no Setor Marista, na esquina com a Mutirão. Outro ponto que torna o centro clínico como uma referência da saúde em Goiânia é abrigar a sede da Associação Médica de Goiás (AMG), do Museu Médico e da Corte de Conciliação Médica. No Órion Shopping estão instaladas duas farmácias, uma convencional e outra de manipulação. Dois laboratórios de exames clínicos devem ser inaugurados em breve no complexo, contribuindo ainda mais para a comodidade dos frequentadores.

“Os profissionais que atuam no nosso centro clínico elogiam a modernidade e a segurança do empreendimento, além da facilidade de estar em um complexo, visto que o shopping possui vários serviços complementares”, ressalta Alex. Além disso, o edifício conta também com um estacionamento com 1,4 mil vagas, ou seja, o Órion Business & Health Complex possui uma infraestrutura moderna e totalmente integrada, proporcionando comodidade, para os profissionais da saúde e pacientes.

A flexibilização presente no decreto do governo de Goiás, que autoriza atendimentos ambulatoriais e de saúde a retomarem suas atividades, impôs uma série de medidas de cuidados pessoais, de higiene e limpeza, que devem ser seguidas para garantir a segurança dos profissionais de saúde e de seus pacientes. No Órion Complex, esses procedimentos, além do controle de entrada e saída de pessoas, foram intensificados com o propósito de proteger quem circula pelas dependência do prédio.

Cuidados com coronavírus

Entre as condutas adotadas para garantir a segurança de quem trabalha ou visita o complexo, está a obrigatoriedade do uso de máscara, reforço na limpeza dos ambientes de maior circulação como nas recepções e elevadores, além das bancadas e corrimãos e exigência de distanciamento mínimo entre as pessoas e nas recepções.

Antes mesmo do isolamento ser obrigatório, foram disponibilizados 200 pontos com álcool em gel em todo o prédio que podem ser usados pelos visitantes e funcionários. Destaque para as catracas de acesso ao Clinical e Business Center que têm abertura automatizada, sem contato físico com o usuário. Outra conduta adotada é verificação da temperaturas dos visitantes e pacientes.

Hospital

Um dos empreendimentos que impulsionam o crescimento de visitantes do complexo é o Hospital de alta complexidade Órion-Einstein Gestão Hospitalar. Considerado o primeiro hospital geral privado de Goiânia, tem capacidade para 220 leitos, sendo 40 deles na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A unidade de saúde representa a primeira atuação da gestão Einstein fora de São Paulo.

O hospital é dotado de laboratório de exames clínicos e um avançado centro de diagnósticos de exames de alta complexidade como tomografia, cintilografia, ressonâncias magnéticas, colonoscopia e ainda o acelerador linear Halcyon, de última geração, que é o primeiro aprovado pela Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) no Brasil, para o tratamento de neoplasias (câncer), com alta eficiência e efeitos colaterais reduzidos.

Legenda da foto: Centro clínico integra o Órion Complex, que também possui shopping, hotel e hospital (Divulgação)