Novo empreendimento atende demanda por moradias verticais no Setor Coimbra

Você está visualizando atualmente Novo empreendimento atende demanda por moradias verticais no Setor Coimbra

Um dos bairros mais tradicionais da capital goiana, próximo às principais regiões e cartões postais de Goiânia, como o Lago das Rosas, e vias como a Avenida Castelo Branco e a Assis Chateaubriand, o Setor Coimbra reúne tradição, comodidade e qualidade de vida. Diante de uma demanda real do público da região por moradias verticais, o setor receberá o mais novo empreendimento da EBM Desenvolvimento Imobiliário em parceria com a Cyrela Brazil Realty: o Wish Coimbra.

Criado inicialmente como uma espécie de acesso entre Goiânia e o bairro de Campinas, o Coimbra cresceu com a capital, inclusive impulsionado pelo impacto positivo do grande centro comercial que o setor vizinho representa. O lugar foi batizado assim em homenagem aos irmãos Abelardo e Jerônymo Coimbra Bueno, engenheiros que contribuíram com o financiamento da construção da capital. Hoje, o Coimbra reúne pontos tradicionais, como hospitais, padarias, supermercados, restaurantes e bares, ele é também cenário de hábitos que se tornaram marcas dos goianienses, como ir à feira no fim da tarde de domingo e se reunir com amigos e familiares para fazer um lanche.

“É um setor com alta demanda por moradia vertical, com adensamento grande, mas poucas opções. No raio primário da região do Coimbra, somente um prédio atende à demanda de quem deseja morar em apartamento. Em um momento em que a segurança é tão discutida e as pessoas buscam cada vez mais viver em prédios, nosso lançamento vem atender a esse desejo do público”, afirma Ademar Moura, gerente comercial e de marketing da EBM Desenvolvimento Imobiliário.

Tomando partido dessa atmosfera característica do bairro, o Wish Coimbra traz um projeto arrojado e moderno, com unidades de dois e três quartos, com 59 e 79 metros quadrados respectivamente. O projeto arquitetônico tem assinatura do escritório Isabel Jácomo, já o decorado é assinado por Ana Maria Miller e Tainá Torres. O residencial traz itens que garantem mais praticidade, segurança e conforto aos moradores, entre eles churrasqueira ecológica a carvão, fechadura eletrônica e tomadas USB nos quartos, entre outros diferenciais. “São itens que atendem ao desejo do público e, dentro do seu contexto, se assemelham ao que um empreendimento de alto padrão entregaria”, explica Ademar.

A área de lazer será composta por salão de festas integrado com copa, brinquedoteca integrada com varanda infantil, varanda gourmet, piscina adulto com deck molhado localizados no 2º pavimento, o salão de jogos e espaço fitness, localizados no 1º Pavimento e o bicicletário no térreo. Todo o projeto de segurança foi desenvolvido em parceria com o Grupo Tecnoseg, com controle de acesso com fotos digitalizadas, circuito interno de TV, botão de pânico, controle de guarda e previsão de portaria remota, entre outros.

Cenário econômico

De acordo com um estudo realizado no final de 2017 pelo Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (IBOPE), a classe C, portanto, é considerada a classe ativamente econômica mais numerosa, com 49% de representatividade, ou seja, quase metade da população do país se enquadra nessa categoria. Diante de um público amplo e que consiste em parte ativa da movimentação financeira, o empreendimento atende a uma demanda real.

E ainda, tendo em vista a nova redução da taxa de juros de financiamento pela Caixa Econômica Federal, o cenário se torna mais positivo para aprovações de crédito na faixa em que se encontra o empreendimento. “O Coimbra é um setor que não deve em nada do ponto de vista de localização, com conveniências e proximidade com as principais regiões de Goiânia, mas com um valor de metro quadrado bem menor do que é oferecido atualmente em bairros vizinhos como o Setor Oeste e o Bueno, por exemplo”, conclui Ademar.