Goiânia figura entre as seis melhores cidades para investir no mercado imobiliário 

Você está visualizando atualmente Goiânia figura entre as seis melhores cidades para investir no mercado imobiliário 
Divulgação

As vendas de imóveis de janeiro a abril de deste ano em Goiânia cresceram 63% em relação ao mesmo período de 2021. “Se continuar nesse ritmo, vamos concluir o ano com volume de vendas acima das 10.234 unidades do ano passado”, destaca o presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Goiás (Ademi-GO), Fernando Razuk. Em 2021, o mercado fechou o ano com o maior volume de vendas desde 2011, quando foram comercializadas 11.504 unidades. 

O aquecimento nas vendas, que confirma a solidez da preferência pelo investimento em imóveis, coloca a capital goianiense entre as 10 melhores cidades para fazer negócios no mercado imobiliário, segundo ranking 2022 da consultoria Urban Systems, publicado com exclusividade pelo portal da Revista Exame. Para a lista, foram analisados municípios com mais de 100 mil habitantes, e em seis eixos econômicos: comércio, serviço, indústria, mercado imobiliário, educação e agropecuária. Foram eleitos os 100 melhores municípios brasileiros, entre capital e interior. 

Goiânia também se destaca entre as capitais brasileiras com o maior índice de área verde por habitante do País e, mundialmente, só perde para o Canadá. As áreas que mais se destacam nesse segmento são os parques, que oferecem inúmeros os benefícios físicos e mentais para quem mora em frente a regiões arborizadas. Os empreendimentos ao redor desta área são na sua maioria de luxo e excelentes para se investir. Os moradores levam um estilo de vida calmo e tranquilo esbanjando qualidade de vida e bem-estar.  

A capital goiana também é jovem, o que amplia o horizonte do mercado imobiliário na cidade. “Goiânia é uma cidade que cresce constantemente a sua população e que possui um grande impacto do agronegócio, que vive uma alta. Essa demanda por novos imóveis faz o dinheiro circular e movimentar o mercado da cidade”, complementa o superintendente Felipe Melazzo. De acordo com a Ademi-GO, outro destaque seria que o preço do metro quadrado da capital ainda é muito baixo em relação às outras capitais, o que implica em potencial de valorização alto.  

Diante destes fatores, o investimento em imóveis tem sido o mais queridinho tanto para quem deseja ter o seu primeiro imóvel quanto para quem busca aplicações seguras e rentáveis. “Investir em imóveis é uma das formas mais seguras de blindar seu capital contra as incertezas da economia. É um daqueles ativos que praticamente fazem o dinheiro trabalhar por você. Afinal, é muito difícil um imóvel sofrer desvalorização com o passar dos anos. E, em Goiânia, a valorização se tornou uma constante”, aponta Felipe. 

Mas é claro que, como qualquer outra coisa que gere lucro, é preciso estratégia. É muito importante contar com uma orientação especializada para encontrar o imóvel ideal para o tipo de investimento que deseja. “A Ademi-GO pode auxiliar, com empresas sólidas e bons históricos do mercado, entregas pontuais, qualidade e compromisso, inclusive sustentáveis”, ressalta. 

Requisitos – Nesta nona edição, foram avaliados mais de 60 quesitos e indicadores somando as seis áreas econômicas, com análises referentes à infraestrutura de saneamento, transportes, mobilidade urbana, logística e telecomunicações.  

Veja a lista com as 100 melhores cidade para fazer negócios no mercado imobiliário: 

Melhores cidades para fazer negócios no mercado imobiliário 
Posição Município UF IQM 
2022 2021 
 São Paulo SP 7,054 
 Rio de Janeiro RJ 4,065 
 Brasília DF 3,783 
 Manaus AM 3,259 
 Salvador BA 3,244 
 Goiânia GO 3,004 
24  Fortaleza CE 2,925 
 Curitiba PR 2,835 
 Belo Horizonte MG 2,821 
10 13  São Bernardo do Campo SP 2,789 
11 16  Guarulhos SP 2,702 
12 19  Recife PE 2,635 
13 11  Campinas SP 2,563 
14 15  Barueri SP 2,531 
15 32  Joinville SC 2,513 
16 53  Blumenau SC 2,508 
17 20  Campo Grande MS 2,494 
18 77  Contagem MG 2,474 
19 26  Serra ES 2,461 
20 79  Aparecida de Goiânia GO 2,450 
21 90  Mauá SP 2,440 
22 –  Betim MG 2,438 
23 81  Americana SP 2,423 
24 10  Florianópolis SC 2,422 
25 28  Belém PA 2,418 
26 51  Caxias do Sul RS 2,414 
27 35  Santo André SP 2,404 
28 46  São José do Rio Preto SP 2,401 
29 14  São José dos Campos SP 2,399 
30 30  Vitória ES 2,386 
31 87  Diadema SP 2,380 
32 –  Sinop MT 2,380 
33  São Luís MA 2,372 
34 –  Jaraguá do Sul SC 2,366 
35 21  Porto Alegre RS 2,366 
36 18  Maringá PR 2,352 
37 –  Várzea Grande MT 2,352 
38 –  Novo Hamburgo RS 2,338 
39 57  Criciúma SC 2,334 
40 17  Ribeirão Preto SP 2,328 
41 25  Aracaju SE 2,326 
42 22  Sorocaba SP 2,324 
43 29  Niterói RJ 2,324 
44 88  Itajaí SC 2,314 
45 33  Vila Velha ES 2,312 
46 –  Valinhos SP 2,308 
47 40  Uberlândia MG 2,303 
48 31  Jundiaí SP 2,301 
49 37  Cascavel PR 2,300 
50 –  Sumaré SP 2,298 
51 –  Campina Grande PB 2,295 
52 66  Chapecó SC 2,291 
53 –  Barreiras BA 2,278 
54 –  Gravataí RS 2,272 
55 85  Limeira SP 2,272 
56 48  Cotia SP 2,264 
57 –  Rondonópolis MT 2,257 
58 55  Santana de Parnaíba SP 2,255 
59 84  Anápolis GO 2,247 
60 12  São Caetano do Sul SP 2,246 
61 –  Paulínia SP 2,245 
62 91  São José SC 2,244 
63 –  Palmas TO 2,242 
64 60  Santos SP 2,240 
65 27  Osasco SP 2,240 
66 –  Macaé RJ 2,239 
67 –  Cuiabá MT 2,236 
68 –  Marília SP 2,236 
69 –  Ponta Grossa PR 2,230 
70 65  Linhares ES 2,222 
71 –  Tubarão SC 2,221 
72 92  Catalão GO 2,218 
73 –  Cachoeirinha RS 2,216 
74 –  Uberaba MG 2,214 
75 –  Simões Filho BA 2,214 
76 44  Mogi das Cruzes SP 2,214 
77 –  Mossoró RN 2,214 
78 –  Cubatão SP 2,213 
79 –  Rio Verde GO 2,212 
80 –  Ananindeua PA 2,212 
81 42  Londrina PR 2,212 
82 –  Rio Branco AC 2,210 
83 99  Jacareí SP 2,207 
84 78  São José dos Pinhais PR 2,206 
85 68  Maceió AL 2,202 
86 –  Eunápolis BA 2,194 
87 47  Atibaia SP 2,192 
88 –  Leme SP 2,189 
89 67  Balneário Camboriú SC 2,185 
90 89  Pouso Alegre MG 2,184 
91 80  Juiz de Fora MG 2,184 
92 –  Vitória da Conquista BA 2,183 
93 72  Itu SP 2,182 
94 –  Mogi Guaçu SP 2,180 
95 82  João Pessoa PB 2,180 
96 –  Araguaína TO 2,175 
97 59  Piracicaba SP 2,170 
98 –  Brusque SC 2,170 
99 75  Carapicuíba SP 2,167 
100 –  São Leopoldo RS 2,162 

Fonte: Portal Revista Exame